TIME-OUT

ODEPA

Publicado em: 16/06/2019 00:00

Por: Patricia.lima

 

“América, Espírito, Sport, Fraternité” é o lema da Organização Desportiva Pan-Americana - ODEPA. Fundada em 8 de agosto de 1948, a Panam Sports Organization- PASO, como também é nomeada, é reconhecida pelo Comitê Olímpico Internacional como a entidade representativa dos Comitês Olímpicos Nacionais das Américas. A Missão da Organização é o desenvolvimento do esporte e subsidiar as 41 nações-membros a fim de influir o espírito esportivo nas futuras gerações de atletas americanos, mas principalmente, assegurar a celebração dos Jogos Pan-Americanos através dos ideais do Movimento Olímpico disseminado nos Comitês Olímpicos Nacionais - NOCs.

 

Atualmente, o Executivo da Panam é composto pelo Presidente, o chileno Neven Ilic Álvarez, três Vice-Presidentes, o Secretário Geral e o Tesoureiro, três grupos com 8 membros, a representante da comissão dos atletas, os presidentes da comissão jurídica e da ACODEPA - Associação de Confederações Desportivas Panamericanas - e, dois membros honorários. A sede resolvida em Estatuto é a Cidade do México, México, sendo sujeita a transferência apenas na decisão da Comissão Executiva da ODEPA.

 

Em decorrência da Segunda Grande Guerra, a primeira edição dos Jogos Pan-Americanos só pode ser realizada nove anos após o planejamento inicial, em 1951 na Argentina quando o esporte já era de inteira responsabilidade da ODEPA e o mexicano José de Jesús Clark Flores era o então presidente. Dez foram os presidentes da Pan-Americana, incluindo um brasileiro, Sylvio de Magalhães Padilha, atleta recordista brasileiro dos 100m rasos e pentacampeão Sul-Americano falecido em 2002, que ocupou o cargo em caráter interino em 1971.

 

Os Estados Unidos lidera com 4437 medalhas [1964 ouros], o quadro geral de medalhas dos Jogos Pan-Americanos terminando em primeiro em 15 das 17 edições, exceto em Bueno Aires em 1951 e Havana 1991, quando foram a Argentina [1066, 294 ouros] e Cuba [2029, 875 ouros] que conquistaram. As diferenças nos números do Jogos contemplam a quantidade de modalidades de 18 para 39 e 21 para 41 países em 2019 e, 2513 para 6132 atletas em 2015. Em todos os 18 Jogos, Canadá [1967, 1999, 2015] e México [1955, 1975, 2011] sediaram três vez cada, seguidos por Estados Unidos [1959, 1987], Brasil [1963, 2007], Argentina [1951, 1995] que receberam por duas vezes.

 

O ingresso do handebol indoor no programa dos Jogos Pan-Americano no ano de 1987 em Indianápolis na 10ª edição dos Jogos, admitiu a classificação dos medalhistas para os Jogos Olímpicos que até então, dava-se pela participação no Campeonato Pan-Americano organizado pela PATHF. Na primeira aparição da modalidade nos Estados Unidos, os sediantes foram campeões tanto no masculino quanto no feminino, Cuba no masculino e Canadá no feminino terminaram em segundo e o Brasil conquistou o bronze em ambos os naipes. Em Havana 1991, houve apenas a edição masculina do handebol e Cuba terminou em primeiro, porém foi o vice-campeão Brasil que disputou os Jogos Olímpicos de Barcelona em 1992.

 

Cinco delegações disputaram os Jogos em 1987, Estados Unidos, Canadá, Cuba, Brasil e Argentina, já em 2019 são oito, além das cinco de Indianápolis, Peru, República Dominicana, México e Porto Rico completam a lista de Lima. Sob o slogan “Jugamos Todos”, o Peru recebe pela primeira vez Jogos Pan-Americanos que a 18º edição terá duração de dezessete dias com 41 nações participantes.

 

Compartilhe:

Comentários

comentários providos por Disqus

Outros Posts



TIME-OUT

ODESUR

09/06/2019 00:00

590


TIME-OUT

O Último Homem

02/06/2019 00:00

864


TIME-OUT

1958 - 2019

26/05/2019 00:00

741


TIME-OUT

Os Escolhidos

19/05/2019 00:00

1470



TIME-OUT

O Sexo Forte

05/05/2019 00:00

1264


TIME-OUT

IX. O Livro

28/04/2019 00:00

1241


TIME-OUT

As 12 Duplas

19/04/2019 00:00

2104


Apoiador

Parceiros Institucionais

Filiado A